ALTAS HABILIDADES/SUPERDOTAÇÃO: MITOS E RECONHECIMENTO

Autores

  • Andreia vieira maia Universidade do Planalto Catarinense
  • Lurdes Caron Universidade do Planalto Catarinense - UNIPLAC

Resumo

Resumo: Como pesquisadoras na área da educação especial, participamos de discussões pertinentes à mesma. Em uma destas discussões surgiu a pergunta norteadora deste artigo: como os mitos e as crenças populares influenciam no reconhecimento de alunos com altas habilidades/superdotação nas instituições de ensino formal? Para responder essa pergunta buscamos autores, tais como: Souza (2010), Reche & Freitas (2005), Pérez (2011), Virgolim (2011), Alencar (2010), dentre outros. O artigo compreende três partes: a primeira, conceituando altas habilidades/superdotação - AH/SD, seguida dos mitos e crenças que envolvem esse tema e a terceira, com os indicadores de AH/SD e as considerações finais. Como resultado final, concluímos por meio da pesquisa bibliográfica que o conceito de AH/SD está relacionado com habilidades, aptidão, inteligência acima da média que podem aparecer ao longo do desenvolvimento do indivíduo. Sobre a origem das AH/SD, há discussões entre os teóricos que indicam que podem ser de ordem genética e/ou ambientalista, alguns professores acreditam que essa superdotação é “nato” à criança, e está relacionada a classes sociais mais abastadas, pois estes podem investir na educação dos filhos, podendo até “induzir” por meio dos estímulos a superdotação. Os mitos e crenças populares invisibilizam pessoas com superdotação, dificultando seu reconhecimento, as patologias de “doentes mentais” também influenciam neste processo, bem como a pouca produção científica sobre a temática. Percebemos que há indicadores comuns que ajudam no reconhecimento das AH/SD, e a importância da observação sistematizada de pais, professores e grupo social, nesse reconhecimento.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Andreia vieira maia, Universidade do Planalto Catarinense

Mestranda do Programa de Pós-Graduação Stricto Senso Mestrado Acadêmico em Educação PPGE - Universidade do Planalto Catarinense-UNIPLAC

Lurdes Caron, Universidade do Planalto Catarinense - UNIPLAC

Docente e Pesquisadora do Programa de Pós-Graduação Stricto Senso Mestrado Acadêmico em Educação PPGE - Universidade do Planalto Catarinense - UNIPLAC

Downloads

Publicado

2014-09-08

Como Citar

maia, A. vieira, & Caron, L. (2014). ALTAS HABILIDADES/SUPERDOTAÇÃO: MITOS E RECONHECIMENTO. Colóquio Internacional De Educação, 2(1), 565–576. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/coloquiointernacional/article/view/5169

Edição

Seção

Eixo 5. Educação, Diversidade e Justiça Social