PARA ONDE ENCAMINHAM AS ORIENTAÇÕES CURRICULARES NO CICLO DE ALFABETIZAÇÃO?

Autores

  • Marilda Pasqual Schneider UNOESC
  • Gabriela Strauss Mozz UNOESC

Resumo

O trabalho trata de um estudo realizado no âmbito das políticas de avaliação em larga escala produzidas pelo Brasil a partir das últimas duas décadas. Aborda análise de documentos contemplados no “Kit da Provinha Brasil”, enquanto avaliação destinada a acompanhar o desenvolvimento do processo de alfabetização das crianças nos anos iniciais do ensino fundamental. Tem como objetivo levantar indicações acerca das orientações curriculares contidas na Matriz de Referência e nos testes disponibilizados às escolas entre os anos de 2008 a 2010. Destaca, em termos de procedimentos metodológicos, levantamento e análise das questões de cada uma das edições dos testes disponibilizados no período e a correlação com os eixos e os descritores das matrizes de  referência. Os resultados evidenciam alteração da Matriz de Referência de 2008 para os testes posteriores, com redução no número de eixos do processo de alfabetização avaliados. No que diz respeito aos descritores, as questões dos testes apresentam ênfase nos que avaliam habilidades de leitura com alterações que culminam, no teste de 2010, para a capacidade de inferir informações em um texto. Como conclusão, chama a atenção para a necessidade de se analisar com cuidado o material disponibilizado no “Kit de Provinha Brasil”, de modo a avaliar as ênfases e omissões demarcadas nos testes disponibilizados aos municípios e a força desta avaliação na definição do currículo do ciclo de alfabetização.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Como Citar

Schneider, M. P., & Mozz, G. S. (2011). PARA ONDE ENCAMINHAM AS ORIENTAÇÕES CURRICULARES NO CICLO DE ALFABETIZAÇÃO?. Colóquio Internacional De Educação, 1(1). Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/coloquiointernacional/article/view/1191

Edição

Seção

Eixo 1 - Estado e Políticas Públicas de Educação