A A CONTRIBUIÇÃO DA PSICOMOTRICIDADE PARA O DESENVOLVIMENTO MOTOR DOS ALUNOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA

Resumo

O presente artigo objetivou demonstrar a importância de trabalhar a psicomotricidade na educação básica, como estratégia para garantir um bom desenvolvimento para as crianças, proporcionando adaptação às mudanças que acontecem com seu corpo nesse período da vida, e também nas relações da criança com o mundo externo. O trabalho realizado refere-se aos estudos e resultados do componente curricular Estágios Curriculares Supervisionados em Pedagogia – realizados em instituições de educação infantil e anos iniciais, aplicados nos anos de 2019 e 2020. O estudo foi iniciado com uma pesquisa bibliográfica e levantamento de dados a partir da observação no contexto escolar, para posteriormente, criar métodos para a prática docente com ênfase em atividades de noção corporal, noção temporal, lateralidade, percepções, ritmo e equilíbrio, coordenação motora ampla e fina e valorização da linguagem corporal. Os planos foram criados de acordo com a limitação das crianças e suas faixas etárias, utilizando-se de estratégias como dança, musicalização, teatro, contação de histórias, desenhos, circuitos, jogos e brincadeiras.

Palavras-chave: Pedagogia. Estágio Curricular. Psicomotricidade. Aprendizagem. Educação Básica. 

Biografia do Autor

Geraldo Vieceli, Unoesc - Videira

Coordenador do curso de Pedagogia e Letras-Ingles da Unoesc Campus de Videira

Mestre em Educação pela UNOESC

Doutorando em Educação pela UFPR

Jaqueline Constantini

Acadêmica da 8ª fase do curso de Pedagogia Unoesc Videira

Publicado
23-12-2020
Como Citar
Vieceli, G., & Constantini, J. (2020). A A CONTRIBUIÇÃO DA PSICOMOTRICIDADE PARA O DESENVOLVIMENTO MOTOR DOS ALUNOS DA EDUCAÇÃO BÁSICA. Anuário Pesquisa E Extensão Unoesc Videira, 5, e27146. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeuv/article/view/27146
Edição
Seção
Área das Ciências da Educação – Artigos