ANÁLISE MICROBIOLÓGICA DE PRODUTOS FUNCIONAIS VENDIDOS A GRANEL

  • Milena Kemper Universidade do Oeste de Santa Catarina - UNOESC/Videira
  • Bruno Tabarelli Scheidt Universidade do Estado de Santa Catarina CAV/UDESC
  • Sabrina Pinto Salamoni Universidade do Oeste de Santa Catarina - UNOESC/Videira
  • Ana Paula Ariotti Universidade do Oeste de Santa Catarina - UNOESC/Videira
  • Ricardo Trezzi Casa Universidade do Estado de Santa Catarina CAV/UDESC

Resumo

Os alimentos funcionais costumam ser recorrentes na dieta das pessoas que
procuram por uma alimentação mais equilibrada, consumindo alguns deles
na forma de a granel. Porém, a má manipulação bem como, a falta de
higienização nesse processo pode acarretar uma carga microbiológica fora
dos padrões preconizados pela ANVISA. O presente estudo teve como
objetivo realizar análises microbiológicas de alimentos vendidas a granel nos
municípios de Videira e Vidal Ramos, no Estado de Santa Catarina. No total
analisou-se 24 amostras a granel coletadas em três estabelecimentos nos
dois munícipios no ano de 2019. Foram realizadas a contagem total de
unidades formadoras de colônias para bactérias e a presença de fungos.
Para bactérias seis amostras ultrapassaram a contagem total de unidades
formadoras de colônia (UFC) mostrando-se imprópria para o consumo
humano. Além disso, nove amostras estavam contaminadas com a presença
de fungos que produzem micotoxinas prejudiciais ao ser humano, sendo eles
do gênero Penicillium, Aspergillus e Fusarium. Contudo, há necessidade de
maior controle das condições sanitárias dos alimentos a granel visando à
saúde humana.
Palavras-chave: Qualidade de alimentos. Fungos e bactérias patogênicos
para humanos.

Publicado
04-05-2020
Como Citar
Kemper, M., Tabarelli Scheidt, B., Pinto Salamoni, S., Ariotti, A. P., & Trezzi Casa, R. (2020). ANÁLISE MICROBIOLÓGICA DE PRODUTOS FUNCIONAIS VENDIDOS A GRANEL. Anuário Pesquisa E Extensão Unoesc Videira, 5, e24067. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeuv/article/view/24067
Edição
Seção
Área das Ciências da Vida e Saúde – Artigos