OVERVIEW DOS ARTIGOS REFERENTES À AUDITORIAS AMBIENTAIS APLICADAS AO ANO DE 2010

  • Juliana Aparecida Biasi Universidade Tecnológica Federal do Paraná Universidade do Oeste de santa Catarina http://orcid.org/0000-0002-1543-9919
  • Atila Brizola Ribas Universidade Tecnológica Federal do Paraná
  • Francine Kaviski Universidade Tecnológica Federal do Paraná
  • Marta Veronica Buss Universidade do Oeste de Santa Catarina

Resumo

A auditoria ambiental visa principalmente verificar o sistema de gestão ambiental de uma organização ou de parte dela. O presente artigo tem por objetivo a análise dos principais artigos publicados no ano de 2010 que estão diretamente relacionados ao tema auditoria ambiental. Para tanto, foram realizadas pesquisas bibliográficas que procuraram focar nos três tópicos correlacionados à engenharia civil que tiveram maior número de publicações naquele ano: energia, meio ambiente e empresas. Por fim a análise conclui que as publicações do ano de 2010 referentes à temática de auditoria ambiental foram desenvolvidas de forma pouco específica, uma vez que a tratativa exige o detalhamento de questões ambientais, sejam elas na linha de energia, meio ambiente ou empresa. De forma quantitativa, a produção acadêmica deste período é menor com relação aos demais anos. Contudo, o interesse pelo assunto vem adquirindo espaço em função de apoio às instituições como ferramenta de planejamento e melhoria contínua.

Biografia do Autor

Juliana Aparecida Biasi, Universidade Tecnológica Federal do Paraná Universidade do Oeste de santa Catarina
Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (2006), pós-graduação em Engenharia e Gestão de Projetos pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (2011) e é Mestranda do Programa de Pós-Graduação de Engenharia Civil da Universidade Tecnológica Federal do Paraná. Atualmente é arquiteto, urbanista e paisagista na empresa Biasi Projetos e Consultoria e professor de graduação da Universidade do Oeste de Santa Catarina. Tem experiência na área de Arquitetura e Urbanismo, com ênfase em gestão de projetos, projetos sustentáveis, paisagismo e administração de obras.
Atila Brizola Ribas, Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Engenheiro Ambiental pela Universidade Estadual do Centro-Oeste do Paraná (2011). Mestre em Engenharia de Infra-Estrutura Aeronáutica pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica - ITA (2013). Especialista em Celulose e Papel pelo SENAI (2015). Doutorando em Engenharia Civil na UTFPR. Professor da Faculdade de Tecnologia do SENAI.
Francine Kaviski, Universidade Tecnológica Federal do Paraná
Arquiteta e Urbanista (2013) e especializada em Direito à Cidade e Gestão Urbana (2014), ambos pela Universidade Positivo. Mestranda em Engenharia Civil na UTFPR.
Marta Veronica Buss, Universidade do Oeste de Santa Catarina
Engenheira Sanitarista e Ambiental pela UNOESC, Mestre em Ciência e Biotecnologia pela UNOESC, Professora de Graduação do Curso de Arquitetura e Urbanismo da UNOESC.

Referências

BESSA, P., Não é velocidade, é legitimidade; 2008. Disponível em: <http://arruda.rits.org.br/oeco/servlet/ newstorm.ns.presentation.NavigationServlet?publicationCode=6&pageCode=94&- textCode=28020&date=currentDate&contentType=html> Acesso em: 05 abr. 2017.

CAMISÓN, C. Effects of coercive regulation versus voluntary and cooperative auto-regulation on environmental adaptation and performance: Empirical evidence in Spain. European Management Journal. 28, 346-361. 2010.

CAMPOS, L. M. de S.; LERÍPIO, A de A. AUDITORIA AMBIENTAL: UMA FERRAMENTA DE GESTÃO, Atlas, 1ª ed. pp. 135. 2009.

DE VILLIERS, Charl; VAN STADEN, Chris J. Shareholders’ requirements for corporate environmental disclosures: A cross country comparison. The British Accounting Review, v. 42, n. 4, p. 227-240, 2010.

ENGIN, T.; ARI, V. Energy Auditing And Recovery For Dry Type Cement Rotary Kiln Systems: A Case Study. Energy Convers Manage. v. 46, p. 551–62. 2004.

GIL, A. C. Como Elaborar Projetos de Pesquisa. 4 ed. São Paulo: Atlas, 2006.

International Organization for Standardization - ISO. ISO 14001, ISO 14010, ISO 14011, ISO 14012, ISO 14015, ISO 19011, ISO 14020, ISO 14021, ISO 14024, ISO 14025 – Princípios, Estrutura, Gestão Ambiental e Rotulagem Ambiental. Disponível em: <https://www.iso.org/home.html>. Acesso em: 30 mar. 2017.

KABIR, G.; ABUBAKAR, A.I.; EL-NAFATY, U.A. Energy Audit And Conservation Opportunities For Pyroprocessing Unit Of A Typical Dry Process Cement Plant. Energy. v. 35, p. 1237–1243. 2010.

KRONBAUER, C. A.; DE SOUZA, M. A.; RÁSIA, K. A.; JACQUES, F. V. S. Audit and environmental disclosure: a historic of Brazilian, American European law of rules. Revista de contabilidade e controladoria. Curitiba. 2010.

LIMA, Luiz Henrique; MAGRINI, Alessandra. The Brazilian Audit Tribunal's role in improving the federal environmental licensing process. Environmental Impact Assessment Review, v. 30, n. 2, p. 108-115, 2010.

LINTHICUM, C.; REITENGA, A. L.; SANCHEZ, J. M. Social responsibility and corporate reputation: The case of the Arthur Andersen Enron audit failure. J. Account. Public Policy. 29, 160-176. 2010.

SARKAR, R. Public policy and corporate environmental behaviour: A broader view. Corporate Social Responsibility and Environmental Management. Wiley InterScience. p167. 2008.

SHALEEN, K.; RANGAM, B.; UDAY, G. Energy Balance And Cogeneration For A Cement Plant. Applied Thermal Engeneering. v. 22, p. 485–494. 2002.

TCU — Tribunal de Contas da União. Portaria n.° 383, de 05 de agosto de 1998, “Aprova a Estratégia de Atuação para o Controle da Gestão Ambiental, resultante da implementação do Projeto de Desenvolvimento da Fiscalização Ambiental — PDFA”. Brasília: Tribunal de Contas da União: 1998. Disponível em: <http://www.tcu.gov.br> Acesso em: 30 mar. 2017.

YINGJIAN, L. et al. Energy Auditing And Energy Conservation Potential For Glass Works. Applied Energy. v.87, p. 2438–2446. 2010.

Publicado
08-05-2017
Como Citar
Biasi, J. A., Ribas, A. B., Kaviski, F., & Buss, M. V. (2017). OVERVIEW DOS ARTIGOS REFERENTES À AUDITORIAS AMBIENTAIS APLICADAS AO ANO DE 2010. Anuário Pesquisa E Extensão Unoesc Videira, 2, e13431. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeuv/article/view/13431
Edição
Seção
ACET Artigos