FATORES QUE INFLUENCIAM NO DESCARTE DE EMBALAGENS DE SALSICHAS TIPO HOT DOG

  • Silvana da Costa Parise UNOESC
  • Maria Rita Chaves Nogueira UNOESC
  • Elisandra Minotto UNOESC
  • Rodrigo Geremias UNOESC

Resumo

A salsicha é um dos produtos cárneos industrializados que mais se destaca no mercado, principalmente por apresentar baixo custo, curto tempo de preparo e vida de prateleira maior que a de produtos in natura. No entanto, falhas em embalagens ou matérias primas de baixa qualidade são motivo de descarte ou retrabalho dentro da indústria, elevando os custos. O objetivo deste trabalho foi avaliar o processo de embalagem primária da salsicha tipo hot dog a fim de identificar os fatores que influenciam no descarte de pacotes. O presente estudo foi realizado em uma planta piloto industrial de processamento de produtos cárneos embutidos localizada no município de Videira, SC, Brasil. Para identificar os fatores de descarte de salsichas foram avaliadas cinco máquinas embaladoras/seladoras de salsichas (P1, P2, P3, P4 e P5), em dois turnos, durante um trimestre, totalizando 25.000 pacotes analisados. Os pacotes com defeitos no acondicionamento ou na embalagem do produto foram avaliados para detecção da causa do descarte. As embalagens com presença de ar foram submetidas ao teste do borracheiro. Os resultados mostraram que 6,29% da produção de salsichas foi descartada ou reprocessada, sendo que para as cinco embaladoras/seladoras analisadas a maior frequência de descarte se deu devido a presença de ar (35%), salsichas quebradas (28%), salsichas raspadas (14%) e peso abaixo do determinado na embalagem (8%). As causas mais frequentemente relacionadas a presença de ar nas embalagens se deve a pregas na solda (38,65%), falta de vácuo (19,28%), solda fraca (16,88%) e solda queimada (11,90%).

Biografia do Autor

Silvana da Costa Parise, UNOESC
Acadêmica do curso de Engenharia de Alimentos
Maria Rita Chaves Nogueira, UNOESC
Professora do curso de Engenharia de Alimentos
Elisandra Minotto, UNOESC
Biólga pela UFPel, Mestres em fitossanidade pela UFPel, Doutora em Microbiologia Agrícola e do Ambiente. Pós-Doc do Mestrado em Ciência e Biotecnologia -UNOESC.
Rodrigo Geremias, UNOESC
Professor do curso de Engenharia de Alimentos
Publicado
15-03-2017
Como Citar
da Costa Parise, S., Chaves Nogueira, M. R., Minotto, E., & Geremias, R. (2017). FATORES QUE INFLUENCIAM NO DESCARTE DE EMBALAGENS DE SALSICHAS TIPO HOT DOG. Anuário Pesquisa E Extensão Unoesc Videira, 2, e13107. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeuv/article/view/13107
Edição
Seção
ACV Resumos