Anuário Pesquisa e Extensão Unoesc São Miguel do Oeste https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo <p>E-ISSN 2525-6556</p> <p>Publicação contínua – o conteúdo e a revisão do texto são de responsabilidade dos autores.</p> Universidade do Oeste de Santa Catarina pt-BR Anuário Pesquisa e Extensão Unoesc São Miguel do Oeste 2525-6556 <ol type="a"><li>Autores mantém os direitos autorais e concedem à Editora Unoesc o direito da publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a <a href="http://creativecommons.org/licenses/by/3.0/" target="_new">Licença Creative Commons Attribution</a> que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.</li></ol> Folha de Rosto https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo/article/view/23681 Editora Unoesc Copyright (c) 2019 Editora Unoesc 2019-12-17 2019-12-17 5 ESPAÇOS INTERNOS PARA IDOSOS PORTADORES DE ALZHEIMER https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo/article/view/23757 <p>O envelhecimento da população no Brasil é um grande desafio para todos, em especial para idosos com a Doença de Alzheimer. Esta doença afeta principalmente os mais idosos e caracateriza-se por apresentar um declínio nas capacidades cognitivas da pessoa, (memória, orientação, atenção e linguagem), causada pela morte de células cerebrais. O tratamento de pacientes com doença de Alzheimer visa a manutenção de qualidade de vida, melhorando suas funções diárias sua independência, minimizando as perdas cognitivas as alterações de humor e comportamento. O presente Artigo estuda a importância da qualidade de vida dos idosos portadores de doença de Alzheimer, através de pesquisa bibliográfica e acompanhamento dos mesmos, buscando os principais parametros e técnicas de design e arquitetura de interiores, para modificar e melhorar os ambientes de convivio. O artigo finaliza com a proposição de medidas a serem observadas na definição de espaços que visem o bom atendimento de idosos com a Doença de Alzheimer.</p> Lidiane Camiloti Copyright (c) 2020 Lidiane Camiloti 2020-02-03 2020-02-03 5 e23757 e23757 DESIGN DE INTERIORES: UM ESTUDO SOBRE A ORGANIZAÇÃO DOS ESPAÇOS DAS SALAS DE AULA DA EDUCAÇÃO INFANTIL https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo/article/view/23754 <p>&nbsp;motivação para a realização deste estudo surgiu das inquietações vivenciadas com crianças pelas quais temos proximidade. O contexto escolar vivenciado por elas necessita de aprimoramentos. O presente artigo apresenta um estudo sobre o design de interiores para a educação infantil. O mesmo consiste em uma pesquisa que cita como o design de interiores pode contribuir para possíveis melhorias no ambiente escolar infantil de modo que possa vir a contribuir na melhoria da qualidade de ensino aprendizagem. A problemática proposta é a seguinte: de que forma o design pode contribuir para melhorar a qualidade do espaço escolar infantill? O principal objetivo do mesmo está voltado na compreensão do contexto escolar para propor uma nova organização do espaço escolar infantil. A pesquisa caracteriza-se pela abordagem qualitativa e buscou, com o desenvolvimento de uma nova proposta de layout escolar, melhorar a qualidade do ensino, apresentando as crianças que elas têm uma grande importância perante a sociedade. O estudo proporcionou uma nova organização do espaço escolar infantil. A pesquisa se caracteriza como exploratória e as visitas a campo serão por meio de observações e aplicação de questionários com os professores. Com as visitas in loco e as pequisas bibliográficas, foi possível compreender de maneira mais detalhada o contexto escolar, visto que os ambientes atuais são pouco atrativos e desafiadores para as crianças, desta forma, sugerimos um novo espaço.</p> Lidiane Camiloti Copyright (c) 2020 Lidiane Camiloti 2020-02-03 2020-02-03 5 e23754 e23754 Forma e praticidade_inserindo conceito multifuncional ao mobiliário https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo/article/view/23756 <p>O presente artigo baseia-se no desenvolvimento de um móvel com conceito multifuncional e aplicação das cores. Procura entender qual a relação do consumidor quando a cor influencia diretamente na compra de um mobiliário ou produto. Tem-se por objetivo a partir das suas formas geométricas, projetar um móvel que atenda facilmente ao gosto do usuário, fácil também de compor diferentes ambientes. Com a utlização das cores primárias, fator desicivo na compra, provocar diferentes sensações ao usuário. Ao inserir uma segunda função, tem-se como propósito aplicar ao móvel a multifuncionalidade, uma junção de funções que contribua e resolva as necessidades do usuário. Sendo possível o melhor aproveitamento dos espaços. O resultado do projeto se fez a partir de planejamento e estudos, auxiliou para a criação do novo móvel sendo possível inserir a multifuncionalidade que ao proporcionar mais de uma função. Além da multifuncionalidade aplicou-se ao móvel projetado itens da ergonomia e a estética ligada a psicologia das cores, pensando em facilitar e influenciar positivamente na relação usuário e produto. Ao desenvolver o móvel faz-se uma avaliação do mesmo, analisando se há erros de fabricação ou projeto, e conclui-se que o móvel atendeu a todas as expectativas esperadas sendo proposto apenas inserir sobre a base principal do criado mudo, pequenos pedaços de silicone para que a mesa de apoio não danifique a base principal ao encaixá-las.</p> Lidiane Camiloti Copyright (c) 2020 Lidiane Camiloti 2020-02-03 2020-02-03 5 e23756 e23756 Valores simbólicos e emocionais do desenvolvimento de moveis com design https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo/article/view/23755 <p>A presente pesquisa visa embasar o desenvolvimento de móveis com design retrô, tendo como fundamentação o estudo da semiótica e o design emocional. Trata-se de uma pesquisa exploratória e bibliográfica, que visa compreender de que maneira o estilo retrô e as características dos valores simbólicos. A partir de pesquisas de mercado buscou-se informações sobre móveis inspirados em épocas passadas, buscando-se entender a contribuição do design para o resgate das características formais históricas na criação de móveis com estilo retrô. Como resultado da pesquisa evidencia-se que a releitura de móveis que foram sucesso no passado estimulam as memórias afetivas, a carga informacional agregada aos móveis retrô remete a sua aparência e funcionalidade, causando associações emocionais. A pesquisa também fornece evidencia a importância da semiótica no design, colaborando para a aplicação de estratégias de comunicação, transmitindo de maneira mais simples, conceitos importantes e complexos.</p> Lidiane Camiloti Copyright (c) 2020 Lidiane Camiloti 2020-02-03 2020-02-03 5 e23755 e23755 A relação da mulher com o próprio corpo e a influência no desenvolvimento dos transtornos alimentares https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo/article/view/23676 <p>A presente pesquisa tem como tema principal, a relação da mulher com o próprio corpo e a consequente influência desta no desenvolvimento dos transtornos alimentares. Para tanto, buscou-se na literatura um aprofundamento sobre as questões de corporeidade da mulher e também o surgimento, desenvolvimento e tratamento dos transtornos alimentares. Os objetivos da pesquisa visaram compreender a relação da mulher com o próprio corpo, bem como os fatores sociais, familiares e psicológicos, que possam influenciar no desenvolvimento de um transtorno alimentar. O método utilizado foi de caráter qualitativo fenomenológico, constituído por entrevistas abertas, gravadas em áudio e posteriormente transcritas, realizadas com quatro mulheres de diferentes idades, que possuem um histórico de transtorno alimentar.&nbsp; A partir das entrevistas, foi possível averiguar a história de vida de cada uma das mulheres, entender o processo de construção e desconstrução de sua autoimagem e assim, compreender as causas e consequências ligadas à vivência do transtorno alimentar. Para além disso, foi possível identificar diversas questões de caráter psicológico, bem como a importância do processo psicoterápico na vida dessas mulheres.</p> <p>Palavras Chave: Mulher. Corpo. Transtornostornos alimentares.</p> Paola Cristina Breda Copyright (c) 2019 Paola Cristina Breda 2019-12-17 2019-12-17 5 e23676 e23676 A IMPORTÂNCIA DE ESTUDAR O MEDO NO DESENVOLVIMENTO INFANTIL https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo/article/view/23922 <p>Considerando a importância de se buscar entendimentos acerca das emoções no desenvolvimento infantil, especialmente o medo, que é um sentimento que está presente, em todas as fases do desenvolvimento humano, é que o presente estudo busca identificar os tipos de medos apresentados pelas crianças e suas possíveis causas, como o medo do espaço escolar e o medo no período de adaptação à escola, medos do cotidiano, medos de animais, pessoas e situações. Com tantas mudanças acontecendo no cotidiano da criança, se torna de suma importância esclarecer por que a criança tem medo, as possíveis causas desses medos e como o medo pode interferir no seu desenvolvimento, além de propor formas de lidar com a criança diante dos seus medos, a fim de superá-los. </p> Calúzia Santa Catarina Lilian Greici Signor Neide Danielli Anderson Luis Schuck Copyright (c) 2020 Calúzia Santa Catarina, Lilian Greici Signor, Neide Danielli, Anderson Luis Schuck 2020-03-25 2020-03-25 5 e23922 e23922 SÍNDROME CORONARIANA AGUDA NA UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA ADULTA https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo/article/view/23914 <p>Trata-se de um recorte de Trabalho de Conclusão de Residência em Saúde do Adulto e Idoso em uma Unidade deTerapia Intensiva Adulta do estado do Rio Grande do Sul, envolvendo pacientes admitidos na unidade com diagnóstico de Síndrome Coronariana Aguda.</p> CARLA DENISE STURM Marzelí Pauletti Copyright (c) 2020 CARLA DENISE STURM, Marzelí Pauletti 2020-03-20 2020-03-20 5 e23914 e23914 Educação permanente em saúde com Agentes Comunitários de Saúde: Relato de experiência https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo/article/view/23913 <p>Trata-se de um relato de experiência de palestras realizadas para os Agentes Comunitários de Saúde em uma Estratégia de Saúde da Família de um município de Extremo Oeste de Santa Catarina, durante a disciplina do Estágio Supervisionado do curso de Enfermagem.</p> CARLA DENISE STURM Joéli Cristiane Petry Cleomara Toigo Eduarda Banhara Bortolotto Leidimari Meneghini Marzelí Pauletti Copyright (c) 2020 CARLA DENISE STURM, Joéli Cristiane Petry, Cleomara Toigo, Eduarda Banhara Bortolotto, Leidimari Meneghini, Marzelí Pauletti 2020-03-20 2020-03-20 5 e23913 e23913 Saúde do trabalhador: Relato de experiência de educação em saúde https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo/article/view/23915 <p>Trata-se de uma atividade de educação em saúde realizada com um grupo de trabalhadores em uma empresa do Extremo Oeste de Santa Catarina sobre Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST's), durante o período de Estágio Supervisionado do curso de Enfermagem.&nbsp;</p> CARLA DENISE STURM Joéli Cristiane Petry Cleomara Toigo Eduarda Banhara Bortolotto Leidimari Meneghini Marzelí Pauletti Copyright (c) 2020 CARLA DENISE STURM, Joéli Cristiane Petry, Cleomara Toigo, Eduarda Banhara Bortolotto, Leidimari Meneghini, Marzelí Pauletti 2020-03-25 2020-03-25 5 e23915 e23915 AVALIAÇÃO DO TAMANHO DE PARTÍCULAS DE SILAGEM DE MILHO EM PROPRIEDADES LEITEIRAS DO EXTREMO OESTE CATARINENSE https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo/article/view/23926 <p>A silagem de milho é um dos alimentos volumosos empregados em maior quantidade na alimentação de bovinos leiteiros. Existem vários fatores que devem ser observados, desde o plantio até armazenagem, para a produção de uma silagem de qualidade. O tamanho de partículas é um dos principais pontos a serem discutidos, pois possui interferência direta na digestibilidade e na efetividade da fibra no ambiente ruminal. Neste estudo, foram coletadas amostras aleatórias de silagem de milho produzidas por diferentes propriedades da região do Extremo Oeste Catarinense, para a determinação do tamanho de partícula por meio do método Penn State. Apenas 24% das amostras avaliadas apresentaram a fragmentação das partículas em conformidade com ao padrão estabelecido pela metodologia. Os maiores percentuais de amostras fora do padrão exigido pelo método foram observados para a peneira com malha de 1,18 a 8mm e para a peneira que retém partículas maiores que 19 mm. A avaliação do escore de fragmentação das partículas é uma estratégia que permite ajustes no processamento da silagem, possibilitando melhorias na digestibilidade e por consequência no desempenho dos animais.</p> Joziane Battiston Andrei Pellegrini Leticia Biazussi Angélica Link Copyright (c) 2020 Joziane Battiston, Andrei Pellegrini, Leticia Biazussi, Angélica Link 2020-04-06 2020-04-06 5 e23926 e23926 AVALIAÇÃO DO MILHO PROVENIENTE DA REGIÃO CENTRO OESTE E SUL DO BRASIL https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo/article/view/23941 <p>Neste trabalho objetivou-se classificar e avaliar a densidade, o teor de umidade, o percentual de grãos ardidos, a energia metabolizável e a concentração de fumonisinas e aflatoxinas do milho proveniente do Centro-Oeste e Sul do Brasil. Foram amostradas 24 cargas de milho destinadas a uma fábrica de rações do estado de Santa Catarina. Foram avaliadas 12 amostras de milho proveniente da região Centro-Oeste e 12 amostras da região Sul, totalizando 24 amostras. Após a correta amostragem analisou-se o peso do hectolitro, o teor de energia metabolizável, umidade, grãos ardidos e o nível de contaminação por aflatoxina e fumonisina através de kits apropriados para o leitor Elisa. As amostras da região Centro-Oeste apresentaram valores significativamente superiores aos da região Sul para as variáveis densidade, energia metabolizável, grãos quebrados, umidade e concentração de fumonisina. Já para as amostras provenientes da região Sul, obteve-se um maior percentual de grãos ardidos. As concentrações de aflatoxinas e de impurezas não diferiram entre as regiões. O milho proveniente da região Centro-Oeste apresenta maior teor energético que o da região Sul. Os maiores valores de fumonisinas obtidos para as amostras da região Centro-Oeste não impedem o emprego do cereal na alimentação animal.</p> Joziane Battiston Wylliam Matheus Arend Bastião Osvino Wideck Alceu Cericato Copyright (c) 2020 Joziane Battiston, Wylliam Matheus Arend, Bastião Osvino Wideck, Alceu Cericato 2020-04-06 2020-04-06 5 e23941 e23941