1.
Ten Caten S, Klein Perico AV. A IMPRESCRITIBILIDADE DO PEDIDO DE INDENIZAÇÃO POR DANOS MORAIS DECORRENTES DO ABANDONO AFETIVO. APEsmo [Internet]. 16º de dezembro de 2021 [citado 16º de maio de 2022];6:e29831. Disponível em: https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo/article/view/29831