PRÁTICAS HUMANITÁRIAS EM MEIO À PANDEMIA: DESAFIOS E POSSIBILIDADES

Autores

Resumo

A pandemia da Covid-19, que vitima milhares de pessoas em todo o mundo, aflorou a individualidade e colocou em questionamento o senso de coletividade das pessoas. Em meio a produção de vacinas, surgem inúmeras indagações quanto a real eficácia da vacinação e em relação à todas as medidas de prevenção.  No cerne de tudo isso está o negacionismo da doença, que consequentemente impacta na forma como a doença se desenvolve em meio ao coletivo humano. Há, portanto, um movimento contrário do que se espera em meio a uma pandemia – a prevenção, e também um movimento de conscientização e incentivo à todas as formas de prevenção, especialmente aqueles que buscam a amenização do sofrimento – os profissionais de saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2022-04-11

Como Citar

Clem, L. (2022). PRÁTICAS HUMANITÁRIAS EM MEIO À PANDEMIA: DESAFIOS E POSSIBILIDADES. Anuário Pesquisa E Extensão Unoesc São Miguel Do Oeste, 7, e30082. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo/article/view/30082

Edição

Seção

Área das Ciências da Vida e Saúde – Resumos expandidos