AVALIAÇÃO DO CRESCIMENTO E DESENVOLVIMENTO DA ALFACE (LACTUCA SATIVA L.) APÓS A APLICAÇÃO DE SILÍCIO NA RAIZ

  • André Sordi Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Guilherme Zimermann
  • Valdemir Paulinho Loss

Resumo

O objetivo do estudo foi verificar a influência da aplicação via radicular de doses crescentes de um produto a base de silício no rendimento da alface americana Lucy Brown. Este estudo foi conduzido durante o mês de maio de 2020, no município de Maravilha - SC, sendo o delineamento em blocos causalizados com 5 tratamentos e 4 repetições totalizando 20 unidades experimentais. O tamanho de cada parcela foi de 1,5 metros quadrados e da área útil de coleta foi de 25 metros quadrados. Testou-se 05 concentrações do produto sendo C0= 0,0g/L; C1= 0,10g/L; C2= 0,20g/L; C3=0,30g/L e C4= 0,40 g/L aplicado via radicular. Na colheita foi avaliado o peso, altura e diâmetro. As variáveis foram submetidas à análise de variância (ANOVA), através do teste F e as médias de produtividades foram comparados pelo teste Tukey ao nível de 5% de probabilidade de erro, com o programa computacional estatístico SISVAR. Concluiu-se que a dose de 0,40g/l do produto a base de silício (Gigamix®) resultou em maiores rendimentos, respectivamente, para o peso, diâmetro de cabeça e altura da planta.

Biografia do Autor

André Sordi, Universidade do Oeste de Santa Catarina
Engenheiro Agrônomo. Msc em Ciências do Solo.
Publicado
13-08-2020
Como Citar
Sordi, A., Zimermann, G., & Loss, V. P. . (2020). AVALIAÇÃO DO CRESCIMENTO E DESENVOLVIMENTO DA ALFACE (LACTUCA SATIVA L.) APÓS A APLICAÇÃO DE SILÍCIO NA RAIZ. Anuário Pesquisa E Extensão Unoesc São Miguel Do Oeste, 5, e25124. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo/article/view/25124
Edição
Seção
Área das Ciências Agrárias – Artigos