A SÍNDROME DE ESTOCOLMO NAS MULHERES VÍTIMAS DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

  • suzani aparecida schneider unoesc

Resumo

                                                      SÍNDROME DE ESTOCOLMO NAS MULHERES VÍTIMAS DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA

                                                                                                                                                                                                                                        SCHNEIDER, Suzani Aparecida

                                                                                                                                                                                                                                         STEFFENS, Alessandra Franke

O presente artigo analisará a Síndrome de Estocolmo nas mulheres vítimas de violência doméstica. Para tanto, utilizar-se-á pesquisa descritivo-explicativa do tipo documental-bibliográfica, com viés dedutivo, dedicando-se aos problemas analítico-conceituais da violência doméstica e suas consequências psicológicas, em especial, o desenvolvimento da Síndrome de Estocolmo. Primeiramente, abordará a Lei Maria da Penha e o porquê de sua criação, bem como a diferença entre os tipos de violência doméstica e como ocorrem. Posteriormente, fará um estudo da Síndrome de Estocolmo e suas características. Por fim, verificará como a violência doméstica está associada a Síndrome de Estocolmo. Conclui-se que após a ocorrência de violência doméstica as mulheres traumatizadas criam um mecanismo de defesa inconsciente e acabam defendendo seu próprio agressor, o que caracteriza a Síndrome de Estocolmo.

Palavras-chave: Violência doméstica, Lei Maria da Penha, Síndrome de Estocolmo.

Publicado
25-06-2019
Como Citar
schneider, suzani aparecida. (2019). A SÍNDROME DE ESTOCOLMO NAS MULHERES VÍTIMAS DE VIOLÊNCIA DOMÉSTICA. Anuário Pesquisa E Extensão Unoesc São Miguel Do Oeste, 4, e21216. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo/article/view/21216
Edição
Seção
Área da Ciência Jurídica – Resumos