AS VANTAGENS E DESVANTAGENS DA DESCRIMINALIZAÇÃO DA MACONHA

  • Ericky Maurício Sírtoli UNOESC
  • Sérgio Filho
  • ´Peterson Fernando Schaedler

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo apontar as principais vantagens e
desvantagens da descriminalização da maconha a nível nacional e mundial.
Informações e dados importantes de países europeus e até mesmo da
América Latina que aderiram à descriminalização em alguns aspectos, tais
como: uso recreativo, medicinal, social e até mesmo o porte da droga em
pequena quantidade. A maconha foi proibida em um tratado da ONU,
quando chegou a ser comparada com a heroína, por sua periculosidade e
pelo preconceito em relação a questões econômicas, políticas e sociais. No
Brasil, hoje, existe uma forte reivindicação para a descriminalização da droga,
principalmente entre jovens, para uso social e recreativo, e famílias que possui
ente enfermo para o uso exclusivamente medicinal, neste caso, para
tratamento de doenças graves. Já houve autorização judicial da planta em
alguns casos, para o tratamento de doenças graves. Na maioria dos casos os
tratamentos com a droga surtiram efeito positivo e eficaz, melhorando a saúde
e o bem-estar das pessoas enfermas. Com a descriminalização da droga no
Brasil, acredita-se na diminuição do comércio ilegal e ganhos econômicos
relevantes gerados sobre os impostos no comércio legal.
PALAVRAS CHAVES: Descriminalização. Maconha. Vantagens. Preconceito.

Publicado
25-06-2019
Como Citar
Sírtoli, E. M., Filho, S., & Schaedler´. F. (2019). AS VANTAGENS E DESVANTAGENS DA DESCRIMINALIZAÇÃO DA MACONHA. Anuário Pesquisa E Extensão Unoesc São Miguel Do Oeste, 4, e21207. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeusmo/article/view/21207
Edição
Seção
Área da Ciência Jurídica – Artigos