CÂNCER DE PELE: DIAGNÓSTICO, TRATAMENTO E PREVENÇÃO

Resumo

Com o objetivo  de informar os colaboradores da Unoesc Chapecó acerca do câncer de pele,  a CIPA (Gestão 2020/2021) juntamente com a AFUC e mediação da Laborsan, realizou uma  Live com a dermatologista Daniella Fukumaru, com o  tema: "Câncer de Pele: Diagnóstico, Tratamento e Prevenção".  Conforme abordado na live a pele, é o maior órgão do corpo humano, sendo composta por duas camadas: a epiderme, na parte externa, e a derme, na parte interna, que além de regular a temperatura do corpo, serve de proteção contra agentes externos, como luz do sol e calor, contra agentes infecciosos e agentes químicos. O câncer de pele é um dos mais comuns no Brasil, sendo que existem  vários tipos de câncer de pele, como os cânceres de pele podem apresentar características diversas, a orientação é que a pessoa procure um médico sempre que notar uma lesão nova ou quando uma lesão antiga sofrer alguma modificação. O diagnóstico de câncer de pele leva em conta o aspecto clínico da lesão, sua coloração e forma e o resultado da biópsia dos tecidos da própria lesão e dos que estão ao seu redor. O diagnóstico precoce é importante, pois a maioria dos casos detectados no início apresenta bons índices de cura. A atividade contou  um percentual significativos de participantes, que deram feedback positivo e esclareceram diversas dúvidas.

Palavras-chave: Câncer de pele;  Diagnóstico; Tratamento; Prevenção.

Publicado
15-12-2020
Como Citar
Troiani, L., Calegari, C. A. P., Dias, K., & Coutinho, J. F. . (2020). CÂNCER DE PELE: DIAGNÓSTICO, TRATAMENTO E PREVENÇÃO. Anuário Pesquisa E Extensão Unoesc Chapecó, 5, e27068. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/apeucco/article/view/27069
Edição
Seção
Área das Ciências da Vida e Saúde – Resumos