SALMONELLA SPP. EM OVOS PRODUZIDOS EM SISTEMA AGROECOLÓGICO

  • Gustavo Perdoncini
  • Jerusa Ferreira
  • Leonardo Moreira Lima
  • Daniela Tonini Rocha
  • Thiago Moreira Tejkowski
  • Andrea Troller Pinto
  • Vladimir Pinheiro do Nascimento

Resumo

Nos últimos anos, observaram-se mudanças nos métodos empregados para a produção agropecuária. Entre eles, o sistema agroecológico de produção na pequena propriedade vem ganhando espaço nos mercados em decorrência do desenvolvimento de novos hábitos alimentares. Estes são gerados a partir da preocupação com a segurança alimentar e programas do Governo que contemplam e apoiam a inclusão da agricultura familiar na produção de alimento. Entretanto, os processos produtivos em sistemas não convencionais também estão sujeitos a contaminações, como as causadas por Salmonella spp. Dessa forma, este trabalho teve como objetivo verificar e detectar a presença desta bactéria em lotes que empregam o sistema de produção de ovos em modelo agroecológico. A investigação foi realizada em cinco granjas de aves de postura e somente em um lote houve isolamento, sendo detectada e caracterizada como Salmonella Agona a partir do swab de ninho.  O controle de salmonelose em aves continua sendo imprescindível em qualquer sistema de produção para evitar a transmissão por intermédio dos ovos e, consequentemente, produzir alimentos inócuos para a saúde pública.

Palavras-chave: Ninho. Transmissão. Segurança alimentar.

Publicado
27-05-2014