Linguagem jurídica: termos técnicos e juridiquês

  • Nedriane Scaratti Moreira Unoesc - Campus Joaçaba
  • Flavia Martelli Unoesc - Campus Joaçaba
  • Rose Maria MAKOWSKI Unoesc - Campus Joaçaba
  • Alana Carina Stumpf Unoesc - Campus Joaçaba

Resumo

O presente trabalho teve como objetivo pesquisar acerca do uso da linguagem jurídica. O método de procedimento utilizado é o histórico e descritivo, e a técnica de pesquisa é a bibliográfica. Para melhor sistematizá-lo, foi dividido em três partes, sendo na primeira proposto o estudo a respeito da palavra na linguagem jurídica; na segunda, foi discutida a diferença de jargão e termo técnico, e, a terceira parte, evidencia a temática de uma possível simplificação da linguagem jurídica. Assim, a temática da linguagem jurídica foi discutida, ressaltando sua importância, função e repercussão no mundo social e jurídico.

Palavras-chave: Juridiquês. Linguagem jurídica. Operadores do Direito. Cultura Jurídica. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Nedriane Scaratti Moreira, Unoesc - Campus Joaçaba
Acadêmica do Curso de Direito na Unoesc campus de Joaçaba
Flavia Martelli, Unoesc - Campus Joaçaba
Acadêmica do Curso de Direito na Unoesc campus de Joaçaba
Rose Maria MAKOWSKI, Unoesc - Campus Joaçaba
Mestre em Linguistica. Professora da Unoesc.
Alana Carina Stumpf, Unoesc - Campus Joaçaba
Acadêmica do Curso de Direito na Unoesc Campus de Joaçaba.
Publicado
21-03-2011
Como Citar
Moreira, N. S., Martelli, F., MAKOWSKI, R. M., & Stumpf, A. C. (2011). Linguagem jurídica: termos técnicos e juridiquês. Unoesc & Ciência - ACSA, 1(2), 139-146. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/acsa/article/view/193