O desvelar da cultura por meio da linguagem da arte

  • Janete Carniel da Silva Universidade do Oeste de Santa Catarina - UNOESC

Resumo

O artigo é resultado de um projeto de pesquisa-ação, com caráter etnográfico, realizado com educandos do ensino fundamental da rede pública, do município de São Miguel do Oeste, SC. Apresenta reflexões sobre a seguinte temática: a estética do cotidiano no resgate da cultura rural na educação básica, ou seja, o foco principal do estudo esteve centrado na importância da arte-educação no sentido de despertar o educando para a percepção e valorização do seu universo cultural e estético. A sociedade pós-moderna vem provocando mudanças fundamentais no convívio social; o materialismo, o racionalismo e a fragmentação são fatores determinantes na vida cotidiana das pessoas. Os adolescentes estão cada vez mais voltados para os meios tecnológicos; o caminhar, o conversar, o comer e o estudar tornam-se algo mecânico, sem sentido. Com base nesse contexto, este estudo volta-se à vivência realizada no contexto da educação escolar, cujo foco está centrado no ensino da arte em uma perspectiva cultural da chita. A arte nesse momento oferece ao educando a possibilidade de resgatar sua totalidade como ser humano. Totalidade esta que envolve as dimensões: afetiva, cognitiva e social, em uma relação integradora de emoção e razão, subjetividade e objetividade, conhecimento e sentimento.

Palavras-chave: Arte-educação. Percepção. Valorização. Cultural. Estético. Chita. Totalidade.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Janete Carniel da Silva, Universidade do Oeste de Santa Catarina - UNOESC
Janete Carniel da Silva, graduada em Educação Artística com habilitação em Artes Plásticas pela Universidade do Oeste de Santa Catarina - UNOESC
Publicado
16-07-2010
Como Citar
Carniel da Silva, J. (2010). O desvelar da cultura por meio da linguagem da arte. Unoesc & Ciência - ACHS, 1(1), 39-48. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/achs/article/view/74