PERSPECTIVA SOBRE O SENTIDO DO TRABALHO PARA CATADORES DE MATERIAL RECICLÁVEL EM DUAS ASSOCIAÇÕES NA CIDADE DE XANXERÊ

Autores

  • Claudio Luiz Orço
  • Luciano e Sá Conrado
  • Elizandra Iop

Resumo

O avanço tecnocientífico a partir do século XVIII intensificou o uso dos recursos naturais para convertê-los em bens de consumo pela sociedade, gerando um crescente acúmulo de materiais descartados pela não possibilidade de consumo. Os materiais descartados, se não reutilizados, acarretarão sérios danos ambientais e humanos. Portanto, a necessidade de se trabalhar com esses materiais levou um grupo de marginalizados socialmente a se apropriarem deles e inseri-los de volta à sociedade. Esse grupo social é visto como um descarte humano pela sociedade, comprometendo o papel do Estado, que é o de assegurar os direitos civis, fundamentais à vida a toda a sociedade. Portanto, na Cidade de Xanxerê, um grupo de catadores de materiais recicláveis vem realizando o trabalho de coleta e reciclagem desses materiais descartados pela sociedade local. Assim, nesta pesquisa teve-se por objetivo verificar o sentido do trabalho para os catadores de material reciclável na Sociedade Contemporânea, considerada de consumo, geradora de material descartável. Adotou-se como metodologia a pesquisa de campo qualitativa, em que se aplicou um questionário fechado e um questionário aberto a 15 catadores de materiais recicláveis. Os resultados obtidos permitiram saber que o sentido do trabalho para esses trabalhadores tem um viés político e ecológico.

Palavras-chave: Trabalho. Sentido do trabalho. Dignidade da pessoa humana.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2016-12-01

Como Citar

Orço, C. L., Conrado, L. e S., & Iop, E. (2016). PERSPECTIVA SOBRE O SENTIDO DO TRABALHO PARA CATADORES DE MATERIAL RECICLÁVEL EM DUAS ASSOCIAÇÕES NA CIDADE DE XANXERÊ. Unoesc & Ciência - ACHS, 7(2), 209–218. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/achs/article/view/12758