Avaliação e classificação das patentes com uso de nanopartículas aplicadas a fertilizantes

  • Regina Bellan Verona Unochapecó
  • Adriana Ferrazza Unochapecó
  • Liziane Carlesso Unochapecó
  • Joceli Roque Ferrazza Unochapecó
  • Rosana da Silva Unochapecó
  • Claudio Alcides Jacoski Unochapecó
  • Cristiano Reschke Lajús Unochapecó

Resumo

O presente trabalho teve como objetivo identificar o número de propriedades industriais existentes mundialmente utilizando nanopartículas em fertilizantes e suas respectivas classificações. Para atingir os objetivos desta pesquisa foram consultadas as bases de propriedade intelectual via internet, no Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI), no escritório europeu European Patent Office (EPO) – Espacenet, no United States Patent and Trademark Office (USPTO), no World Intelletual Property Organization (WIPO) e Lens.org, base de patentes da China, Espanha, França e Inglaterra. A busca nos bancos de dados de patentes mundiais permitiu inferir que há 11 documentos distribuídos de acordo com os termos pesquisados, nanoparticles fertilizer. Entre elas são patentes ativas apenas cinco do total de patentes encontradas, as outras seis encontradas são patentes provisórias das ativas. Essas publicações são de três áreas distintas: área de física e materiais bioespecíficos; área de produtos que atendem às necessidades humanas, da agricultura, florestais e da pecuária, observando a preservação; e área destinada a produtos químicos e fertilizantes inorgânicos de liberação lenta.

Palavras-chave: Nanopartículas. Fertilizantes. Propriedade industrial.

Biografia do Autor

Regina Bellan Verona, Unochapecó
Mestranda Pós Graduação em Tecnologia e Gestão da Inovação PPGTI - Universidade Comunitária da Região de Chapecó 
Adriana Ferrazza, Unochapecó
Mestranda Pós Graduação em Tecnologia e Gestão da Inovação PPGTI - Universidade Comunitária da Região de Chapecó 
Liziane Carlesso, Unochapecó
Mestranda Pós Graduação em Tecnologia e Gestão da Inovação PPGTI - Universidade Comunitária da Região de Chapecó 
Joceli Roque Ferrazza, Unochapecó
Mestranda Pós Graduação em Tecnologia e Gestão da Inovação PPGTI - Universidade Comunitária da Região de Chapecó 
Rosana da Silva, Unochapecó
Mestranda Pós Graduação em Tecnologia e Gestão da Inovação PPGTI - Universidade Comunitária da Região de Chapecó 
Claudio Alcides Jacoski, Unochapecó
Professor do Programa de Pós Graduação em Tecnologia e Gestão da Inovação PPGTI - Universidade Comunitária da Região de Chapecó 
Cristiano Reschke Lajús, Unochapecó
Professor do Programa de Pós Graduação em Tecnologia e Gestão da Inovação PPGTI - Universidade Comunitária da Região de Chapecó
Publicado
20-12-2018
Como Citar
Verona, R. B., Ferrazza, A., Carlesso, L., Ferrazza, J. R., Silva, R. da, Jacoski, C. A., & Lajús, C. R. (2018). Avaliação e classificação das patentes com uso de nanopartículas aplicadas a fertilizantes. Unoesc & Ciência - ACET, 9(2), 105-114. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/acet/article/view/13046