Anurofauna em fragmento de mata no Município de Joaçaba, SC

  • Alan Plizzari
  • Jessica Mascarelo
  • Augusto Perosa
  • Fernanda Maurer D´'Agostini UNOESC
Palavras-chave: Anurofauna. Riqueza de espécie. Fragmento de mata.

Resumo

A fragmentação da mata e a perda de habitats naturais reduz drasticamente a população de anuros. Em razão disso, estudos detalhados da composição de anuros que habitam diferentes micro-habitats são fundamentais para se adotarem medidas de conservação ambiental. O presente trabalho teve como objetivo estudar a composição da anurofauna, bem como a sua distribuição e o uso do ambiente em um remanescente de mata situado entre os Campi 1 e 2 da Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc) de Joaçaba. Durante os meses de agosto a maio, as espécies de anuros foram amostradas por meio de armadilhas de queda, procura visual e identificação mediante a vocalização. Na área de estudo foram registradas 12 espécies pertencentes a cinco famílias: Bufonidae, Cycloramphidae, Hylidae, Leiuperidae e Ranidae. A análise estatística aplicada mostrou diferença significativa entre os pontos de amostragem, comprovando, assim, a especificidade de algumas espécies por ambientes e microambientes favoráveis a sua reprodução e alimentação. A presença de espécies não registradas por outros trabalhos no Sul do País e a de espécies exóticas na área de estudo salienta a importância da conservação desse bioma altamente degradado e demonstra a carência de conhecimento acerca da anurofauna catarinense.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernanda Maurer D´'Agostini, UNOESC

Bióloga formada pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), Especialista em Sistemática e Biodiversidade Animal (PUCRS), Mestre em Biociências (PUCRS) e Doutora em Zoologia (PUCRS). Atualmente trabalho na linha de pesquisa Biologia de agentes infectocontagiosos da UNOESC.

Referências

AFONSO, L. G. et al. Reprodução da exótica rã-touro Lithobates catesbeianus (Shaw, 1802) (Amphibia, Anura, Ranidae) em riachos de Mata Atlântica no estado de Minas Gerais, Brasil. Biotemas, v. 23, n. 3, p. 85-91, 2010.

ARMSTRONG, C. G.; CONTE, C. E. Taxocenose de anuros (Amphibia: Anura) em uma área de Floresta Ombrófila Densa no Sul do Brasil. Biota Neotrop., v. 10, 2010.

BARREIRA, V. B. Análise bacteriológica da carne de Rã-touro (Lithobates catesbeianus) comercializada no município do Rio de Janeiro, estado do Rio de Janeiro, Brasil. 2009. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2009.

COLWELL, R. K. Estimates: Statistical estimation of species richness and shared species from samples. Version 8. 2006. Disponível em: Persistent.Purl.oclc.org/estimates. Acesso em: 10 maio 2012.

CONTE, C. E.; ROSSA-FERES, D. de C. Diversidade e ocorrência temporal da anurofauna (Anphibia, Anura) em São José dos Pinhais, Paraná, Brasil. Revista Brasileira de Zoologia, v. 23, n. 1, p. 162-175, 2006.

CRUMP, M. L.; SCOTT JUNIOR, N. J. Visual encounter surveys. In: HEYER, W. R. et al. (ed.). Measuring and Monitoring Biological Diversity. Standard Methods for AmphibiansWashington, DC: Smithsonian Institution Press, 994. p. 84-92.

DEIQUES, C. H. et al. Guia ilustrado dos anfíbios e répteis do Parque Nacional de Aparados da Serra, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Brasil. Pelotas: USEB, 2007. p. 120.

INSTITUTO NACIONAL DE PESQUISAS ESPACIAIS. Estiagem nos Estados da Região Sul do Brasil 2011-2012. Disponível em: http://www.inpe.br/crs/geodesastres/desastres5. php. Acesso em: 19 maio 2012.

IOP, S. Diversidade e distribuição especial de anfíbios anuros no Parque Estadual do Turvo, Rio Grande do Sul. Dissertação de Mestrado, Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, RS. 2010.

KOPP, K.; SIGNORELLI, L.; BASTOS, R. P. Distribuição temporal e diversidade de modos reprodutivos de anfíbios anuros no Parque Nacional das Emas e entorno, estado de Goiás, Brasil. Porto Alegre: Iheringia, ser. Zoologia, 2010.

KWET, A.; LINGNAU, R.; DI-BERNARDO, M. Pró-Mata: Anfíbios da Serra Gaúcha, sul do Brasil – Amphibien der Serra Gaúcha, Südbrasilien – Amphibians of the Serra Gaúcha, South of Brazil. 2. ed. Alemanha: Brasilien-Zentrum, University of Tübingen, 2010. 148 p.

LAGOS, A. R.; MULLER, B. L. A. Hotspot Brasileiro: Mata Atlântica. Saúde & Ambiente em Revista, Duque de Caxias, v. 22, p. 35-45, 2007.

LIMA, A. R.; CAPOBIANCO, J. P. R. (org.). Mata Atlântica: avanços legais e institucionais para sua conservação. Documento do ISA, n. 4, 1997.

LINGNAU, R. Distribuição temporal, atividade reprodutiva e vocalizações em uma assembléia de anfíbios anuros de uma Floresta Ombrófila Mista em Santa Catarina, sul do Brasil. 2009. Tese (Doutorado em Zoologia) – Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2009.

LOEBMANN, D.; VIEIRA, J. P. Relação dos Anfíbios do Parque Nacional da Lagoado Peixe, Rio Grande do Sul, Brasil. Revista Brasileira de Zoologia, v. 22, n. 2, p. 339-341, 2005.

LUCAS, E. M.; FORTES, V. B. Frog diversity in the Floresta Nacional de Chapecó, Atlantic Forest of Southern Brazil. Biota Neotrop., v. 8, n. 3, 2008.

LUCAS, E. M.; MAROCCO, J. C. Anurofauna (Amphibia, Anura) em um remanescente de Floresta Ombrófila Mista no Estado de Santa Catarina, Sul do Brasil. Biota Neotrop., v. 11, n. 1, 2011.

MORAES, R. A.; SAWAYA, R. J.; BARELLA, W. Composição e diversidade de anfíbios anuros em dois ambientes de Mata Atlântica no Parque Estadual Carlos Botelho, São Paulo, sudeste do Brasil. Biota Neotropica, v. 7, 2007.

PRADO, G. M.; POMBAL JUNIOR, J. P. Distribuição Espacial e Temporal dos Anuros em um Brejo da Reserva Biológica de Duas Bocas, Sudeste do Brasil. Arquivos do Museu Nacional, Rio de Janeiro, v. 63, n. 4, p. 685-705, 2005.

SANTOS, T. G. et al. Distribuição temporal e espacial de anuros em área de Pampa, Santa Maria, RS. Iheringia, Sér. Zool., v. 98, n. 2, p. 244-253, 2008.

SERAFIM, H. et al. Anurofauna de remanescentes de floresta Atlântica do município de São José do Barreiro, estado de São Paulo, Brasil. Biota Neotrop., v. 8, n. 2, 2008.

SILVANO, D. L.; SEGALLA, M. V. Conservação de Anfíbios no Brasil. Megadiversidade, Belo Horizonte, v. 1, n. 1, p. 79-86, jul. 2005.

TRINDADE, A. O.; OLIVEIRA, S. V.; CAPPELLARI, L. H. Anfíbios anuros de uma área da Serra do Sudeste, Rio Grande do Sul (Caçapava do Sul). Biodivers. Pampeana, v. 8, n. 1. 2010.

VASCONCELOS, T. S.; ROSSA-FERES, D. C. Diversidade, distribuição espacial e temporal de anfíbios anuros (Aphibia, Anura) na Região Noroeste do Estado de São Paulo, Brasil. Biota Neotropica, v. 5, n. 2, 2005.

VIEIRA, W. L.; ARZABE, C. Descrição do girino de Physalaemus cicada (Anura, Leiuperidae). Iheringia, Sér. Zool., v. 98, n. 2, 2008.

Publicado
29-06-2020
Como Citar
Plizzari, A., Mascarelo, J., Perosa, A., & D´’Agostini, F. M. (2020). Anurofauna em fragmento de mata no Município de Joaçaba, SC. Unoesc & Ciência - ACBS, 10(2), 107-114. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/acbs/article/view/20393