Índice de Massa Corporal (IMC), percentual de gordura (%g), circunferência de pescoço (CP) e circunferência de cintura (CC) de escolares de 11 a 15 anos da rede municipal de Iporã do Oeste, SC

  • Karine Schneiders
  • Andréa Jaqueline Prates Ribeiro Unoesc (Universidade do Oeste de Santa Catarina), campus São Miguel do Oeste

Resumo

Objetivou-se analisar a relação entre as variáveis índice de massa corporal (IMC), percentual de gordura (%G), circunferência de pescoço (CP) e circunferência de cintura (CC) em escolares de 11 a 15 anos de Iporã do Oeste, SC. Participaram 206 escolares (97 meninos e 109 meninas). Utilizou-se a média e desvio padrão, Teste t de Student e Correlação de Pearson. Ambos os gêneros se encontram normais para classificação de IMC (meninos 19,59±3,62 e meninas 20,30±4,18) e CP (meninos 32,65±2,74 e meninas 30,64±1,94); já em relação a %G os meninos (19,51±9,47%) se encontram acima da média, e as meninas (21,38±9,44%) abaixo. Para CC (meninos 75,18±9,25 cm e meninas 75,70±9,75 cm) possuem classificação elevada. Não houve diferença estatisticamente significativa para as variáveis estudadas entre os gêneros, exceto para a CP (P=0,000). Quanto aos valores de correlação de IMC, CC, CP e %G dos alunos, organizados por faixa etária e por gênero, houve correlação positiva muito forte, forte e moderada para a maioria das relações entre as variáveis, em ambos os gêneros e para as faixas etárias de 12, 13, 14 e 15 anos. A correlação foi negativa forte na faixa etária de 11 anos para os meninos na relação entre IMC x CC (r= -0,73), IMC x CP (r= -0,85) e IMC x %G (r= -0,71). O IMC para as faixas etárias de 12, 13, 14 e 15 anos parece ser um bom indicador de gordura corporal, pois os resultados apresentaram correlação forte e muito forte com as demais variáveis (CC, CP e %G) para ambos os gêneros. As melhores correlações foram entre CC x %G (r= 0,74 - 0,98) e CC x CP (r= 0,73 – 0,94) para todas as faixas etárias e em ambos os gêneros. Verificou-se que a medida da CC é um método alternativo e fidedigno para a predição da composição corporal.

Palavras-chave: Índice de massa corporal. Percentual de gordura. Circunferência.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Andréa Jaqueline Prates Ribeiro, Unoesc (Universidade do Oeste de Santa Catarina), campus São Miguel do Oeste
Educação Física - ACV
Publicado
05-10-2017
Como Citar
Schneiders, K., & Prates Ribeiro, A. J. (2017). Índice de Massa Corporal (IMC), percentual de gordura (%g), circunferência de pescoço (CP) e circunferência de cintura (CC) de escolares de 11 a 15 anos da rede municipal de Iporã do Oeste, SC. Unoesc & Ciência - ACBS, 8(2), 143-152. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/acbs/article/view/13207