Violência sexual conjugal: aspectos históricos, jurídicos e psicanalíticos

  • Maiara Carvalho Trentin UNOESC PINHALZINHO
  • Sandro Rodrigo Steffens Unoesc

Resumo

Com o presente estudo objetivou-se compreender aspectos relacionados à violência sexual contra a mulher cometida por seu cônjuge. Buscou-se ampliar a compreensão sobre as leis brasileiras relacionadas ao estupro e como estas foram se adaptando conforme as mudanças ocorridas na sociedade. Com embasamento psicanalítico, explicam-se questões psicológicas relacionadas à violência sexual conjugal tanto por parte do agressor quanto por parte da vítima. Quatro mulheres do Oeste de Santa Catarina foram entrevistadas, utilizando-se um roteiro semiestruturado que contemplou os núcleos de interesse. Revelou-se que a violência sexual está intimamente ligada à violência física e à psicológica. Além disso, verificou-se que a cultura presente na atualidade ainda possui diversos aspectos excludentes que precisam ser evidenciados.

Palavras-chave: Violência sexual. Casamento. Cultura. Psicanálise. Direito.

Downloads

Não há dados estatísticos.
Publicado
05-10-2017
Como Citar
Trentin, M. C., & Steffens, S. R. (2017). Violência sexual conjugal: aspectos históricos, jurídicos e psicanalíticos. Unoesc & Ciência - ACBS, 8(2), 177-186. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/acbs/article/view/13011