Líquen plano: importância de um histórico familiar

  • Mariana Nasilowski Unoesc - Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • José Luis Kaiper
  • Jéssica Gabrieli Terra Peixoto
  • Gabriela Aguiar Assmann
  • Vanessa Massocco
  • Isabela Laryssa Tortato
  • Acir José Dirschnabel
  • Grasieli de Oliveira Ramos

Resumo

O líquen plano é uma doença inflamatória crônica mucocutânea que afeta entre 0,1% e 4% da população, podendo ser localizada intra ou extraoral na forma reticular ou erosiva. Sua etiologia ainda é incerta, mas as pesquisas sugerem sua relação com doenças do sistema imunológico, estresse e ansiedade. Em contrapartida, estudos têm demonstrado casos de líquen plano familiar, indicando sua relação com a genética. O objetivo com o trabalho é enfatizar a importância de uma anamnese criteriosa, com a finalidade de correlacionar a doença com o histórico familiar, além de a distúrbios emocionais. A revisão de literatura foi realizada por meio de artigos selecionados na base de dados Pubmed de 2008 a 2018, além de livros de Patologia Oral. As lesões de líquen plano são descritas como pápulas poligonais, púrpuras e pruriginosas, as quais podem se apresentar de forma reticular, com estrias de Wickham, podendo ser assintomáticas. A localização mais comum é na mucosa jugal bilateral ou na forma erosiva, que se apresenta eritematosa, atrófica e com sintomas evidentes. Entre todos os casos de líquen plano, até 11% têm incidência familiar, a qual se manifesta precocemente, com apresentação clínica atípica e maior tendência de se tornar grave e crônica. Sugere-se que o genótipo desses casos poderia ter tornado o indivíduo suscetível a um patógeno que precipitou a doença. Como tratamento, indica-se o uso de corticosteroides tópicos, que devem ser aplicados nas áreas sintomáticas, induzindo a cicatrização entre uma e duas semanas. Muitas vezes, o desaparecimento da lesão coincide com a estabilização do estado emocional, podendo ser tratado. Essa pesquisa enfatiza a importância de registrar um histórico familiar em todos os casos de líquen plano. Embora o papel exato da composição genética ainda tenha que ser esclarecido, não se rejeita a possibilidade de coincidência desses casos.

Palavras-chave: Líquen plano. Líquen plano familiar. Patologia oral.
Publicado
11-09-2018
Como Citar
Nasilowski, M., Kaiper, J. L., Peixoto, J. G. T., Assmann, G. A., Massocco, V., Tortato, I. L., Dirschnabel, A. J., & Ramos, G. de O. (2018). Líquen plano: importância de um histórico familiar. Ação Odonto. Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/acaodonto/article/view/17266
Seção
Resumo Categoria II