Incidência da periodontite em pessoas diabéticas

  • Willian da Silva Zanchett Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Luiz Eduardo de Aguiar Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Leandro Vieira de Brito Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • João Pedro Brocardo Kucher Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Gustavo Mazetto Universidade do Oeste de Santa Catarina

Resumo

A periodontite é definida como um processo inflamatório de origem infecciosa, porém não contagiosa, que acomete os tecidos de suporte dos dentes; são consequências de micro-organismos da placa bacteriana, danificando o tecido conjuntivo e o osso alveolar, uma vez que o diabetes tem influência na instalação e progressão da doença. No presente trabalho teve-se como objetivo descrever a incidência da periodontite em pessoas portadoras de diabetes, de diferentes faixas etárias, abordando os principais aspectos de interesse da Odontologia. Para a realização deste trabalho foi realizado um levantamento bibliográfico nas bases de dados Scielo e Google Acadêmico no período de 07 de setembro de 2017 a 02 de outubro de 2017, em português. Estudos comparativos relatam que a evolução e a extensão do dano periodontal dependem, além das bactérias, da suscetibilidade do hospedeiro, de aspectos comportamentais e de alterações sistêmicas como o diabetes. A idade é um fator que influencia diretamente no desenvolvimento da periodontite em pessoas diabéticas; percebe-se que com o aumento da idade há o aumento de casos de periodontite, visto que em mulheres de 35 a 54 anos esse número é elevado. As alterações da cavidade bucal mais frequentes nos diabéticos são: xerostomia, hipossalivação, hálito cetônico, dificuldade de cicatrização, porém, sofre influência desta, considerando que o avanço clínico da doença periodontal pode alterar o metabolismo da glicose e, como consequência, dificultar o controle do diabetes. A irregularidade glicêmica pode agravar a evolução dessas manifestações bucais, uma vez não tratadas, a consequência é o desenvolvimento da gengivite evoluindo para uma periodontite. O cirurgião-dentista possui o conhecimento sobre as doenças que afetam os tecidos de sustentação dos dentes, prestando assistência clínica e orientação a esses pacientes, proporcionando melhora da saúde sistêmica e consequentemente da qualidade de vida.

Palavras-chave: Periodontite. Diabetes. Alterações. Consequência.

Publicado
14-03-2018
Como Citar
Zanchett, W. da S., Aguiar, L. E. de, Brito, L. V. de, Kucher, J. P. B., & Mazetto, G. (2018). Incidência da periodontite em pessoas diabéticas. Ação Odonto, (2). Recuperado de https://portalperiodicos.unoesc.edu.br/acaodonto/article/view/15930
Seção
Resumo Categoria I